A Morte Não Existe

Mensagens, depoimentos e informações sobre a história da Joyce

Arquivo para julho, 2010

Um oásis no deserto

O Shriners Hospital, em Springfield, Massachussets, ocupa um lugar muito especial no nosso coração. Fomos para lá com a Joyce depois de uma longa peregrinação por consultórios, médicos e especialistas em busca de um diagnóstico para o quadro dela e das opções de tratamento.

Todo mundo que já experimentou aquele momento de pânico quando o médico ainda não disse qual o problema do seu filho/pai/mãe/amor pode avaliar como alguem se sente quando o “momento” se transforma em dias, semanas, meses.

Chegamos lá precisando de acolhida, atenção, respostas. E embora tivéssemos que aceitar o fato que a síndrome era incurável, no sentido estético, finalmente tínhamos respostas e tratamento.

A estrutura do hospital e a gentileza da equipe médica e do corpo de enfermagem eram consoladoras para os pequenos pacientes e para o coração das mães. E ainda pudemos contar com a Ronald McDonald House, pensada para que as crianças vindas de longe, como era o nosso caso, pudessem se recuperar perto do hospital mas fora dele o quanto antes. Hospital faz muito mal para a saúde, inclusive dos acompanhantes.

Para quem quiser saber mais, seguem alguns links.

Shriners Hospital – http://www.shrinershq.org/Hospitals/Main

Ronald McDonald House – http://rmhc.org/who-we-are/mission-and-vision/

No Brasil, alguns hospitais tem casas semelhantes. E o McDonalds brasileiro desenvolve este trabalho também.

http://www.instituto-ronald.org.br/index.php/programas-do-instituto/casa-ronald-mcdonald

A Ronald McDonald House, em Springfield - nosso lar longe do lar

Anúncios

Margareth

A querida amiga Margareth Kollet, guia e organizadora das viagens a Abadiânia, tão importantes para o caminho nosso e da Joyce esteve presente na Feira do Livro de Gramado, e sua foto é a primeira de uma nova categoria – Amigos da Joyce. Aos poucos, estamos encontrando o caminho deste blog, e o número de visitas está aumentando. Aproveite o espaço dos comentários para perguntar e pedir as informações que quiser.

Em breve, teremos fotos dos lugares de Abadiânia.

Feira do Livro de Gramado – vídeo

Livros e amigos em Gramado

Do lado de  fora, a neblina criava uma atmosfera de filme, transparente e sonhadora; do lado de dentro, amigos, chimarrão e música ao vivo aqueciam a tarde de autógrafos da 14ª Feira do Livro. Obrigada a todos os que compareceram, foi muito bom vê-los e revê-los!…

Sábado, em Gramado

No sábado, dia 10/07, estaremos conversando com os amigos da serra e autografando o livro na Rua Coberta, a partir das 18:00 hs, como parte da programação da 14ª Feira do Livro de Gramado.

Lugares da Joyce

No verão, com a primavera florida

Muitas pessoas perguntam sobre o puxadinho, canto da casa muito citado no livro. É quase impossivel explicar sem uma foto. Então decidimos postar algumas, dos Lugares da Joyce mencionados no livro.

O puxadinho  é exatamente isso – um telhadinho que foi sendo adaptado embaixo de uma primavera que de vez em quando ameaça ficar mais alta que a casa, e aí ganha uma poda. Uma poda bem pequena, e sob protestos. É onde nos reunimos em família, festas, churrascos.

No verão, é fresco, por causa da piscina. E no inverno, é uma delicia sentar pertinho do complexo culinário – forno/fogão/churrasqueira – a lenha, claro. A mesa é daquelas que estica – sempre cabe mais um.

Nas paredes e nos pilares de madeira estão pregados lembranças de viagens do mundo inteiro, de amigos queridos, novos e antigos, fotos e recuerdos de todos os tipos. Talvez por isso acabou sendo cenário de muitas passagens do livro.

Muitas coisas que eram do quarto da Joyce também estão ali.