A Morte Não Existe

Mensagens, depoimentos e informações sobre a história da Joyce

Tudo o que temos e conquistamos é temporário …

Tudo o que temos e conquistamos é temporário… uma linda mensagem da Joyce, que cabe bem nos tempos atuais:

“Temos que nos libertar da possessão. Nosso objetivo na Terra é de possuir e dominar. Queremos ter cada vez mais bens, dinheiro, etc. Até mesmo as pessoas, queremos tê-las para nós, à nossa disposição.

Tudo o que temos e conquistamos é temporário, é emprestado. Nada disso se leva quando partimos. Se nos foi confiado, foi para termos condições de sobreviver para aprender. Os bens materiais são nossa sobrevivência para que nosso espírito e nosso coração possam se manifestar, através da experiência, do aprendizado e da sabedoria, com o auxílio dos seres que estão ao nosso alcance.

Temos que mudar o enfoque sobre as coisas. Não estamos aí somente para constituirmos uma família, trabalhar e aguardar a velhice. Seria muito pouco!

moon_song

Não teríamos outro objetivo além deste? Gastaríamos uma vida inteira na terra somente para sobreviver até a ‘morte’ chegar? Deus nos ‘colocaria’ no mundo apenas para isso?

Não, meus queridos, Ele quer mais! Temos condições de muito mais. O ser humano tem uma força muito maior, que ainda desconhece. Ele tem dons que nunca usou; tem conhecimentos armazenados que nunca desabrocharam. Por quê? Porque não nos permitimos a isto; porque não nos alertamos de nosso potencial. Os poucos que o descobriram, foi através da dor intensa, do sofrimento, da perda. Quando precisaram suportar o insuportável. Aí foram buscar a força interna para ter o entendimento através do conforto.

Infelizmente o homem só se preocupa com descobertas fabulosas ‘externas’. Faz pesquisas, expedições, descobre curas através de drogas, resolve vários problemas e situações. Mas tudo é buscado fora dele, através da natureza (mesmo que implique na sua destruição), na clonagem, na guerra, nas experiências. É o ego trabalhando ‘em prol’ da humanidade.

Seria realmente para isto que estamos aqui? E aquele que não teve instruções e um trabalho digno? Este veio só para sofrer? E aquele que já veio doente? E aquele que injustamente perdeu tudo? E aquele inocente que foi sacrificado por doença, assassinato ou acidente? E as diferenças sociais? Seria Deus tão justo para alguns e tão injusto para outros?

Não, Ele não é injusto! Nosso enfoque é que está errado!

O desenvolvimento é necessário. Mas acima de tudo está nosso desenvolvimento interior, nossa maneira de agir, de viver, de ser em relação a nós mesmos e ao próximo. Não podemos julgar os outros sem olharmos primeiro para dentro de nós mesmos, sem limpar e ordenar nossa vida interior. Após, com certeza, veremos tudo de outra forma e compreenderemos o outro como ele é. Os valores, as atitudes e os conceitos mudarão. Buscaremos outra realidade, outra forma de amar e crescer. A cura estará dentro de nós. A tecnologia será usada racionalmente para o bem comum, sem rótulos ou propriedades. O aprendizado fluirá, pois o estaremos buscando dentro de nós. A doação será espontânea, a solidariedade uma constância e a união uma realidade.
Para atingir este estágio, todos têm as mesmas condições. Não depende de inteligência ou condições sociais. Basta querer buscar dentro de si o que já está lá. Só isso!

Com a prática desta pureza de pensamento, estaremos revertendo às situações mais complexas de cura, aprendizado e evolução.

Joyce”
(28 de outubro de 2003)

Anúncios

No comments yet»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: